quinta-feira, 1 de abril de 2010

POEMA DO CONSUMO CONSCIENTE



Compre, compre,

Tudo o que precisar;

Pergunte-se por que

O excesso carregar?


Saiba o que é

O consumo consciente

Ao comprar batatas chips

E embalagens de sorvete!


Você já ouviu falar

Do consumo consciente

Que reduz as emissões

Do lixo poluente?


Quer reduzir os danos

Das sobras que não usamos?

Separe prá reciclar,

Reutilize tudo o que puder!


Saiba quantos anos,

Entre hoje e o futuro,

Perduram as embalagens

E tudo o que levamos prá viagem!


Compre e a vida sustente

Consuma e equilibre a floresta

Verifique o seu estilo de vida

Não faça nada inconsciente!


De: A. Tulhol,2008

13 comentários:

  1. legal filha da puta,arombada

    ResponderExcluir
  2. muito bom mas q saber vatomar n c...

    ResponderExcluir
  3. oie maneiro esse poema

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Poema podia ser meelgor

    ResponderExcluir
  6. quero que td mundo tome no cu q visitou esssa porra de poema filho da puta sou e hemriqueta bucetuda se quiser enfiar o seu piracao disk sexo 0922

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu quero enfiar meu pirocao no seu busetao. Qual e seu endereço sua vadia?

      Excluir
  7. o poema filho da puta q n ajudou ninguem nessa porra de site merda q vc criou n serviu para krio nem 1

    ResponderExcluir
  8. Emanuel lucas lira escreveu td issso salesiano sao jose do 7 a

    ResponderExcluir
  9. quem escreveu essa porra foi Gabriel luiz lima medeiros
    é um filho da puta do salesiano sao jose 7a. É um gay assumido Que vende a xereca pra sobreviver.

    ResponderExcluir
  10. Que tristeza ler os comentários acima.
    Mostra a quantas anda a educação no Brasil.
    Lamentável.

    ResponderExcluir

Seguidores